Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas

Botânica Farmacêutica

ECTS

3

Objetivos

No âmbito do MICF, a Unidade Curricular (UC) Botânica Farmacêutica é uma disciplina básica e abrangente. O seu objectivo é proporcionar a aquisição de conhecimentos gerais sobre a célula vegetal, sobre os processos bioquímicos de plantas e ainda sobre diferentes grupos botânicos. São igualmente transmitidas aos alunos as principais linhas de investigação desta área, destacando-se a sua importância e aplicação no âmbito das ciências farmacêuticas.

As principais competências a adquirir pelos alunos deverão ser:
- Caracterizar a célula vegetal e a especificidade do seu metabolismo;
- Reconhecer e compreender diferentes níveis de organização nos grupos botânicos;
- Tomar contacto com literatura científica desta área e com as monografias da Farmacopeia Portuguesa;
- Desenvolver sentido crítico e reconhecer possíveis áreas de aplicação da Botânica Farmacêutica nas ciências farmacêuticas.

Conteúdos programáticos

A diversidade biológica e o processo classificativo de plantas.
Biologia celular vegetal: organelos específicos da célula vegetal.
Fotossíntese e fotorespiração: processos fisiológicos únicos em plantas.
Caraterização de Filos vegetais: abordagem evolutiva de alguns grupos botânicos (das algas às plantas com flor). Referência às adaptações vegetativas, reprodutivas e químicas e ao seu interesse e aplicação em Ciências Farmacêuticas.
Biologia do desenvolvimento vegetal: fitohormonas e aplicações de técnicas de biotecnologia vegetal às Ciências Farmacêuticas. Apresentação de exemplos.
Introdução à Etnobotânica: breve referência a estudos etnobotânicos e importância na descoberta de novos compostos com actividade biológica.
Histologia e anatomia vegetal. Importância dos caracteres morfológicos, histológicos e anatómicos na identificação de fármacos vegetais. Exemplos de monografias de fármacos vegetais da Farmacopeia Portuguesa.

Partilhar