Mestrado em Ciências Biofarmacêuticas

Sinalização Celular

ECTS

4

Objetivos

O objetivo geral é capacitar o aluno com os conhecimentos necessários à compreensão dos princípios e sistemas de sinalização que coordenam a comunicação entre células eucariotas e com o seu ambiente. Permitirá a aquisição de competências gerais para reconhecer a sinalização e o controlo da atividade celular envolvida na homeostase da célula e do organismo e a sua alteração na doença. Destacam-se entre as competências específicas: 1) descrever as principais características e componentes dos processos de proliferação, diferenciação e morte celular, incluindo recetores, mensageiros e efetores ; 2) identificar os mecanismos celulares e bioquímicos de sinalização celular e reconhecer o seu papel na adaptação celular ao meio e a estímulos; 3) identificar o papel das diferentes vias de sinalização celular na fisiologia dos sistemas e conhecer patologias associados à desregulação da atividade celular, como doenças degenerativas, autoimunes e cancro; e 4) identificar as principais abordagens terapêuticas de modulação. O estudante deverá ainda adquirir conhecimentos que lhe permitam aplicar estratégias de análise e manipulação da função celular, bem como integrar os conhecimentos teóricos com as metodologias laboratoriais atuais de identificação de vias de sinalização.

Conteúdos Programáticos

Ensino Teórico
A sinalização celular é uma parte essencial dos processos biológicos. O programa comporta o ensino de temas específicos, modelos de estudo e métodos experimentais, que servem de suporte à aquisição de conceitos atuais sobre os mecanismos e vias de sinalização celular, com ênfase na proliferação, diferenciação e morte celular. Serão abordadas vias de interação e regulação em organismos superiores, na perspetiva da sua aplicação em áreas biomédicas, farmacêuticas e biotecnológicas, seja na compreensão da patogénese de determinadas doenças, seja no desenvolvimento de estratégias terapêuticas de modulação. O conteúdo programático engloba o estudo dos seguintes módulos: 1) características, componentes e mecanismos dos sistemas de sinalização; 2) bases moleculares de regulação das vias de sinalização cruciais para a sobrevivência dos organismos vivos; 3) vias de sinalização na (pato)fisiologia de sistemas e no tratamento de doenças.

Ensino Prático
Nas aulas práticas têm como objectivo proporcionar ao aluno a discussão crítica dos conhecimentos teóricos adquiridos, com recurso a seminários, o que lhe permitirá enquadrar o conhecimento adquirido nas suas mais diversas aplicações.

Ensino Laboratorial
Nas aulas de laboratório procede-se ao estudo experimental de vias específicas de sinalização celular, incluindo a avaliação do destino celular em tecidos conservados, em células de mamífero em cultura, e em organitos celulares isolados, bem como a identificação dos mecanismos moleculares de sinalização subjacentes.

Partilhar