Mestrado em Análises Clínicas

Imunologia Complementar

ECTS

6

Objetivos

A UC tem como objectivo geral fazer com que o aluno adquira conhecimentos necessários à compreensão dos mecanismos celulares e moleculares envolvidos na resposta imunológica que conduzem à doença por: défice de resposta (imunodeficiência), exagero ou inadequação (hipersensibilidade), resposta aberrante (sindroma imunoproliferativo e neoplasia) e disfunção (doença autoimune). A UC como está integrada num Mestrado em Análises Clínicas inclui uma componente dedicada a aplicações ao diagnóstico. Deste modo, a UC completa­se com uma forte componente laboratorial sobre conceitos básicos e aplicações clínicas de algumas técnicas imunológicas avançadas.
A UC permitirá a aquisição de competências em:1) Identificar, interpretar e descrever os mecanismos celulares e moleculares responsáveis pelas alterações da resposta imunológica e suas implicações; 2) Interpretar as alterações da resposta imunológica detectadas em amostras biológicas, à luz dos conhecimentos adquiridos na UC.

Conteúdos Programáticos

Ensino Teórico:

  • Sistema Imunitário e Resposta Imunitária
  • O Sistema de Complemento
  • O Sistema Major de Histocompatibilidade
  • A Resposta Inflamatória
  • Imunobiologia dos tumores: (Bio)marcadores tumorais: Clínica e laboratório
  • Auto­imunidade
  • Reacções de Hipersensibilidade: Classificação de Gell e Coombs mod. Kay
  • Imunodeficiências

Ensino Prático:

  • Métodos Laboratorias em Imunologia: métodos de precipitação, RIA, EIA e variantes (ELFA, Western Blot, etc), citometria de fluxo
  • Identificação de auto­anticorpos
  • Doenças auto­imunes – Caso prático: Diabetes autoimune
  • Identificação de paraproteínas: Importância do doseamento das cadeias leves no Diagnóstico de Mielomas Múltiplos
  • Marcadores Tumorais: Casos práticos

Ensino Laboratorial:

  • Doseamento das imunoglobulinas: G, A e M
  • Doseamento de componentes do complemento por ID
  • Doseamento de biomarcador por ELISA
  • Doseamento da IgE por ELFA
  • Tipagem HLA: classe I e II
  • Imunofenotipagem de sangue periférico: populações linfocitárias B, T e NK

Partilhar