Admissão a Provas

O pedido de admissão a provas  é efetuado pelo aluno com a entrega da documentação indicada no Despacho CC/n.º1/2019 – Trabalho final em formato digital.

O aluno só poderá apresentar este pedido se não tiver qualquer tipo de dívidas para com a FFULisboa.

Regras de formatação do trabalho final

Artigo 37.º do Regulamento Geral do Ciclo de Estudos conducente ao Grau de Mestre da FFULisboa:

A capa deve incluir o nome e logotipo da ULisboa e da FFULisboa, o título do trabalho, o nome do estudante, o nome dos orientadores, a designação da especialidade do mestrado e, se aplicável, da respetiva área de especialização, a modalidade de trabalho em que se apresenta (dissertação ou relatório de estágio) e o ano de conclusão do trabalho.

A página de rosto (primeira página) deve ser cópia da capa.

Modelo de capa de Dissertação / Relatório de Estágio (PT)

Modelo de capa de Dissertação / Relatório de Estágio (EN)

O trabalho deve incluir resumos em português e inglês, com um mínimo de 300 palavras cada, até 5 palavras-chave em português e inglês e índices.

Quando o Conselho Científico autorizar a apresentação do trabalho final escrito em inglês, este deve ser acompanhado de um resumo em português com uma extensão compreendida entre 1200 palavras e 1500 palavras.

O trabalho final deverá ter uma extensão máxima de 40 000 palavras (cerca de 100 páginas) e respeitar o seguinte esquema:

  1. Capa;
  2. Página de rosto;
  3. Resumo;
  4. Dedicatória/Agradecimentos (se aplicável);
  5. Índices;
  6. Corpo do trabalho (inclui introdução e conclusão);
  7. Bibliografia;
  8. Anexos (se aplicável).

O trabalho deverá respeitar as seguintes regras de formatação:

  • Capa: cartolina branca, com letra a preto;
  • Tipo de letra: Times New Roman 12 ou Arial 11;
  • Margens: mínimo de 2.5 cm nos quatro lados.
  • A impressão do trabalho final tem de ser a preto, em papel A4 branco, podendo ser em frente e verso, devendo a encadernação ser térmica.
  • O trabalho final realizado na FFULisboa fica sujeito ao depósito obrigatório, da responsabilidade da FFULisboa, de uma cópia digital num repositório integrante da rede do Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal, operado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I. P., bem como para consulta digital através do Repositório Digital da ULisboa.

Documentos a entregar no Pedido de Admissão a Provas

Aceder à Plataforma FenixEdu, em Candidato » Candidaturas, e selecionar a opção “Admissão a Provas 2º Ciclo”.

Documentação:

  • Requerimento ao Conselho Científico e Parecer Coordenador do mestrado (PDF);
  • Pareceres do Orientador/Coorientador/Tutor/Supervisor de estágio devidamente fundamentados (PDF);
  • Versão provisória do trabalho final (PDF);
  • Curriculum Vitae (PDF);

Proposta de Júri  - A proposta de júri é preenchida pelo(s) Orientador(es) e remetida por email, pelo aluno ou pelo(s) Orientador(es), para posgraduados@ff.ulisboa.pt

A proposta de júri é um documento que integra o pedido de admissão a provas, pelo que deve ser remetida em simultâneo ou logo após o pedido ser efetuado. Sem este documento o pedido não poderá ser considerado pelo Conselho Científico.

Documentação a entregar em caso de prova confidencial:

  • Requerimento ao Conselho Científico (PDF) e Parecer Coordenador do mestrado (PDF);
  • Pareceres do Orientador/Coorientador/Tutor/Supervisor de estágio devidamente fundamentados, e justificando o pedido de confidencialidade do trabalho final (PDF);
  • Versão provisória contendo a menção “confidencial” na capa (PDF);
  • Curriculum Vitae (PDF);

Proposta de Júri  - A proposta de júri é preenchida pelo(s) Orientador(es) e remetida por email, pelo aluno ou pelo(s) Orientador(es), para posgraduados@ff.ulisboa.pt

A proposta de júri é um documento que integra o pedido de admissão a provas, pelo que deve ser remetida em simultâneo ou logo após o pedido ser efetuado. Sem este documento o pedido não poderá ser considerado pelo Conselho Científico.

Regras sobre o Ato Público de Defesa

A discussão do trabalho final não poderá exceder noventa minutos e nela podem intervir todos os membros do júri, devendo o estudante dispor de tempo idêntico ao utilizado pelos membros do júri.

Pode prever -se a participação de elementos da assistência, desde que na globalidade de perguntas e respostas não sejam ultrapassados cinco minutos.

Distribuição dos tempos da prova por estudante e membros de júri:

  • 15 minutos para a apresentação do estudante;
  • 75 minutos para a discussão com os arguentes:
  • 30 minutos para o arguente (20 minutos para o externo, 10 minutos para o interno);
  • 30 minutos para as respostas;
  • 5 minutos para as considerações do orientador, com igual tempo de resposta do candidato;
  • 2,5 minutos para elementos da assistência, com igual tempo de resposta do candidato.

Para mais informações, consulte: Artigo 45.º  do Regulamento Geral do Ciclo de Estudos conducente ao Grau de Mestre da FFULisboa

Documentos a entregar após a prova pública

Após a aprovação no ato público de defesa, e caso o júri não proponha alterações ao conteúdo do trabalho final, o estudante dispõe de 15 dias úteis, improrrogáveis, contados a partir da data da prova, para submeter na Plataforma FenixEdu, os seguintes documentos:

Documentação a entregar em caso de prova confidencial:

Emolumento

Pedido de admissão a provas académicas: 180,00 €

Reformulação

Caso o júri recomende a reformulação do trabalho final, o mestrando dispõe de um prazo de 30 dias úteis, improrrogável, contados a partir da comunicação do orientador, para proceder à sua reformulação.

As retificações devem ser previamente validadas pelos orientadores.

No ato de entrega da versão reformulada, o aluno deverá entregar a Declaração do Orientador/Coorientador, confirmando as correções solicitadas pelo júri.

Contacto

Gabinete de Estudos Pós-Graduados: posgraduados@ff.ulisboa.pt

Partilhar